Guimarães em um dia!

Aproveitamos o milagroso sol no norte de Portugal e a vinda da Saminha para visitar Guimarães. Fomos de comboio (ida e volta: €6.20), e depois de pouco mais de uma horinha chegamos em Guimarães, onde nasceu Portugal!
Guimarães é uma das mais importantes cidades históricas do país, sendo o seu centro histórico considerado Património Cultural da Humanidade. A cidade está historicamente associada à fundação da nacionalidade e identidade Portuguesa. Guimarães, entre outras povoações, antecede e prepara a fundação de Portugal, sendo conhecida como “O Berço da Nação Portuguesa”. Aqui tiveram lugar em 1128 alguns dos principais acontecimentos políticos e militares, que levariam à independência e ao nascimento de uma nova Nação.
Passeamos um pouco pelo centro da Cidade e fomos até o Paço dos Duques. A cidade é bem pequena e dá para fazer tudo a pé com um pouco de disposição! 😀
O Paço dos Duques de Bragança (tipicamente designado de apenas Paço dos Duques) foi construído no século XV, em Guimarães, por D. Afonso, 1.º duque de Bragança, e o estilo borgonhês. Nos domingos até às 14h é de graça a visita, como fomos no sábado pagamos 5 euros. Achei meio salgadinho, mas ir lá e não entrar, não tem graça né? Dá para ver as antigas salas, quartos, algumas roupas, móveis, louças, etc.

Em seguida fomos ao Castelo de Guimarães, que é de graça a entrada e é lindo!

 

No século X a Condessa Mumadona Dias, após ter ficado viúva, mandou construir um Mosteiro. Os constantes ataques por parte dos mouros e normandos levou à necessidade de construir uma fortaleza para guarda e defesa dos monges e da comunidade cristã que lá viviam. Surgiu assim o primitivo Castelo de Guimarães No século XII, o Conde D.Henrique e D.Teresa que mandam realizar grandes obras no Castelo de forma a ampliá-lo e torná-lo mais forte.  Atualmente, foi classificado como Monumento Nacional, e em 2007 foi eleito informalmente como uma das Sete maravilhas de Portugal.
Já eram quase 3 da tarde e estávamos famintas. Encontramos o Baco Restaurante que foi perfeito!! Super indico! Pagamos super barato, 6 euros, e comemos uma sopa de brócolis perfeita (e olha que eu nem gosto de brócolis), prato principal, salada, vinho e café. Ambiente agradável e atendimento show, nhamy!

 

Restaurante Baco
Endereço: Avenida Alberto Sampaio 274, 4810-250 Guimarães
Telefone: 253 053 828
Seguimos para Igreja dos Santos Passos. que tem um jardim belíssimo na frente! Uma graça! Em seguida pegamos o teleférico (€4.60 ida e volta) para Igreja da Nossa Senhora da Penha. Esse passeio valeu muito a pena! As paisagens que vão se descortinando com a subida do teleférico e a vista lá de cima são belíssimas! Na descida vimos um pouco do pôr do sol, queria ter ficado mais mas infelizmente o horário para pegar o trem da volta estava apertado :\

Ainda compramos algumas lembrancinhas e regressamos ao Porto. Adorei a viagem, Guimarães foi uma das cidades que mais gostei de ter conhecido, uma graça!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s